Destaque

Uma breve apresentação!

Desde que nos conhecemos, nos tornamos grandes amigas. Você pode acreditar em coincidências, mas para nós quatro, elas não existem, nós acreditamos que tudo tem um significado, um motivo de ser. Nossa adolescência foi marcada por essa amizade crescente que nos mantém unidas até hoje. Tão unidas que três de nós engravidamos juntas. E nós que acreditávamos ter vivido grandes desafios, estávamos prestes a passar pelo mais intenso de todos, o desafio de ser mãe.

Nossas conversas praticamente diárias, nos levaram a ideia do blog, para podermos compartilhar nossas experiências com outras mamães, e podermos dividir esse momento tão maravilhoso, intenso e por vezes até insano.

Ser um campeão significa defender uma causa ou alguém, defender em batalha, exatamente como a maternidade, defendemos todos os dias em vários momentos, nossos ideais e nossos filhos, e geralmente somos vencedoras dessas batalhas. Por isso o nome se encaixa muito bem em nosso blog e nossa nova tarefa!

Desejamos boas vindas à você e que possa identificar um pouco de si em cada uma de nós, em nossas aventuras aqui contadas.

Somos: Suelem Pimentel mamãe do Luis Felipe, Amanda Fogaça mamãe do Nicolas, Paula Lemos mamãe do Daniel e Natalia Ewald titia dos três mosqueteiros.

Aconteceu comigo

Essa semana passei por uma situação bem difícil  e quero compartilhar porque sei que muitas mães passam por isso e, também porque tenho usado o blog como uma válvula de escape.

Faz duas semanas que o Lipe não anda 100%, uma gripe forte tem nos acompanhado e ela trás junto febre, apatia, chorinho,  incômodo, falta de apetite, sono agitado.  Daí fica todo congestionado e precisa aspirar várias vezes ao dia porque ele não dá conta de engolir tanta secreção.  Isso tem me deixado péssima,  além do cansaço de não dormir (que é o menos importante)  tem a minha questão profissional.

Gente… eu sempre amei meu trabalho, ser professora de Educação Física é o que eu sempre quis e agora, depois de ter o Lipe minha vontade de ficar GRUDADA nele está me deixando com uma dificuldade imensa de sair de casa… quando estou trabalhando é ÓTIMO! Estar com as crianças me renova e mesmo quando chego em casa cansada depois de um dia cheio sei que realizo minha profissão com amor.

Mas o fato de o Lipe estar doente acaba comigo, fico num paradoxo sem fim… quero ficar com ele, e não quero faltar no trabalho… afff…

Essa semana saí do ar e me deu um ataque de choro… não conseguia parar! De repente eu comecei a chorar, sem controle mesmo… na frente das pessoas, na rua, no Hospital (porque ele tinha consulta). As lágrimas vinham e eu não conseguia parar, passei o dia assim, chorando… mas fui trabalhar. No final da tarde já me  sentia melhor e pra me dar aquela força meu MARIDÃO e o Lipe foram me buscar.

Dias dificeis todos temos, não consigo ser forte o tempo todo… ninguém consegue! 

Recebi neste dia carinho, solidariedade dos colegas de trabalho e aos poucos a vontade de chorar foi diminuindo… e eu me sentido melhor.

Ser mãe é assim… uns dias mais difíceis outros mais leves, a única certeza é que nosso amor aumenta a cada segundo e meu Lipe tem sido meu combustível pra seguir em frente,  firme e forte, pensando sempre no que háde melhor nessa vida que é  AMAR!

Obrigada Lipe por mais lição! 

#maescampeas #maternidade #nostres #family #amormaior #maedemenino #meumilagre #lipe #profissão #educacaofisica 

Feliz dia das Mães

Hoje é um dia especial para as minhas queridas amigas, é o primeiro dia das mães delas com seus filhotes nos braços. Para ambas foi um ano cheio de surpresas, novidades, angustias, alegrias, aflições e tudo mais que envolve ser mãe, mas cada uma do seu jeito lidou bem com isso e estão ai cada dia mais guerreiras e felizes.

Hoje estou aqui na posição de amiga, para dar os parabéns para a Su, Amandinha e Paula por esse dia, por serem guerreiras, por serem excelentes mães e por serem tão especiais e abençoadas. Eu fico muito feliz em compartilhar desse momento com vocês, ou melhor, mais esse momento, já que nosso caminho vem de longe né?

Um beijo especial para vocês e esses meus sobrinhos lindos!

Sem Título-1

Beijos da Tia Naty!

8 meses 

Hoje, dia 8 de maio de 2017 o Lipe está completando 8 meses…

Foram 8 meses intensos, mas repletos de esperança e regados a cada segundo de muito AMOR.

Foi assim… nascimento, susto, esperança, diagnóstico, desespero…

Uma força que não consigo nem explicar de onde veio,  e um AMOR impossível de expressar. 

UTI, transferência,  cirurgia,  internação…

CASA…oba!

 Nosso aconchego… adaptações, medos,  superações… e os olhinhos foram se abrindo e tudo foi se ajeitando.  As coisas foram se acomodando e nosso amor e cumplicidade foram se intensificando. 

Fomos atrás de acompanhamentos, fisioterapia,  fonoaudiologia,  estimulação essencial… especialistas como nutróloga, otorrinolaringologista, fisiatra, neurologista… exames+exames…

Amor,  dedicação,  fé,  união,  carinho… persistência,  criatividade, emoção, superação….GRATIDÃO!

Hoje olho pra trás e vejo o quanto isso tudo nos mudou.  Hoje sei que não sou mais aquela pessoa, vejo na minha volta um outro mundo e busco coisas diferentes.

Só quero para meu LIPE um mundo mais solidário, educado, amoroso,  caridoso, menos preconceituoso, mais esperançoso…

Foram 8 meses de amor,  de amor e mais amor… hoje meus dias são cócegas,  sorrisos,  comidinhas, trocas de fraldas, banhos, carinho, brinquedos, mamadeiras, beijinhos… 

Meu único desejo é que esses 8 meses se multipliquem quantas vezes forem possíveis… porque nada deixaria minha vida mais  feliz do que te ter ao meu lado pra sempre! 

Luíz Felipe= Lipe 

Obrigada por transformar minha vida e PARABÉNS meu PIRULITO, por tanta força, coragem e amor!

Te amo, te amo, te amo….

Suelem

#maescampeas #maternidade #maedemenino #meumilagre #family #amormaior 

Sim… eu sou uma mãe ESPECIAL 

Demorei muito pra escrever esse texto,  tenho refletido muito sobre o sentido da palavra “ESPECIAL “.

Sim meu filho é especial… mas quando digo que sou uma mãe especial é no sentido mais bonito da palavra.

Ser mãe é a coisa mais linda que já me aconteceu… a mais louca e intensa também! Kkkk😲

Sou uma mãe ESPECIAL,  com um filho ESPECIAL e um  marido e pai ESPECIAL. Juntos temos superado tantas coisas difíceis e conquistado outras tão maravilhosas.  Não digo que é  fácil, mas tem sido tão gratificante, cada conquista tem um valor incalculável.

O fato de o Lipe ser ESPECIAL  foi um susto tremendo,  a final minha gravidez foi uma tranquilidade só.  Mas encaramos isso tudo como um pedido divino de sermos pais de um anjo que tem nos mostrado todos os dias o quanto a vida é boa e o amor é importante. 

Sim eu sou uma mãe ESPECIAL e conheço tantas mães que também são…Somos todas MÃES CAMPEÃS vencendo todos os dias ao lado dos nossos pequenos tesouros!

 

Dica: Hora da papinha!

papinha

 

O assunto de hoje é a introdução alimentar, e como os nossos meninos estão entrando nessa fase, vamos compartilhar esse momento com vocês e dar algumas dicas.
Vamos frisar que essa fase gostosa precisa iniciar após as indicações do pediatra do seu baby, ok?
A idade ideal são 6 meses, pois o intestino do bebê já esta ficando apto para poder absorver corretamente os nutrientes necessários, mas varia muito de criança e da indicação médica. E não se preocupe, cada bebê tem o seu tempo para aceitar esse inicio. Essa é uma fase de aprendizado, o bebê esta descobrindo coisas novas e seu organismo também esta aprendendo, então seja paciente, tudo tem o seu tempo, você pode fazer a papinha e curtir esse momento, o bebê esta aprendendo a deglutir, esta estimulando os sentindos, descobrindo os gostos, alguns vão aceitar mais fácil que os demais, mas é normal.
Como nessa idade a dentição ainda esta sendo desenvolvida, então o que vai ajudar a deglutição é a baba do bebê que é rica em enzimas, o que é ótimo para ajudar a engolir. Vale lembrar que para a introdução a vida alimentar do seu bebê é necessáio que ele já possa sentar ou ficar em uma posição próxima, que facilite para o bebê e evite que ele venha a engasgar, ter refluxo ou até rejeitar a comida.
Sobre as papinhas, algumas dicas legais e importantes, varie bastante no cardápio, o bebê esta na fase de descoberta e é o melhor momento para ele ir se adaptando aos sabores, principalmente das frutas e vegetais. Produtos industrializados NÃO devem ser inseridos nessa fase, deixe o seu bebê conhecer o que a natureza tem a oferecer, isso será ótimo a longo prazo. Evite os mantimentos cítricos e mais azedinhos, deixem esses mais para frente, comece com as básicas como maça, banana, pera e mamão, além de serem mais docinhas, são mais fáceis para fazer a papinha! Para as papinhas que habitualmente precise de temperos, uma dica, não use sal ou óleo, acrescente após pronto apenas uma colher de sobremesa de azeite de oliva.
Não tenha pressa, o bebê não precisa comer um prato enorme e cheio, vá no tempo dele, não force ele a comer, deixe ele ir se adaptando, provando, aprendendo (até se sujando), evite distrações externas nesse momento também, aproveite esse momento lindo com o seu bebê!

Não esqueça: SEMPRE tenha orientação do seu pediatra.

Sobre culpa de mãe 

Nós mulheres somos seres cheios de culpa… e agora sendo mãe me sinto ainda mais culpada. Esse sentimento é inerente à nós MULHERES,  somos assim mesmo. Entretanto, isso tem me feito pensar…

Como já contei anteriormente ando trabalhando bastante e acabo ficando menos do que gostaria perto do meu Pirulito e do meu marido também. E aí vem aquela CULPA!

Culpa por estar longe, culpa de estar em casa, mas não ficar grudadinha, culpa se ele fica resfriado, se um mosquito pica, se ele não come,  se tem cólicas, se fica constipado,  se não esquenta,  se tem febre…   é uma culpa que  eu sei que não tem sentido. Mas eu tenho. E cá entre nós, quando converso com outras mães percebo essa culpa estampada assim como a minha.

Só sei que quando ele sorri pra mim tudo isso fica pequeno… 

 
Só um desabafo…
#maescampeas #maternidade #família #nostres #maedemenino #meumilagre #amormaior #culpa #coisasdemae

A primeira festinha do Lipe 

Esse semana pela primeira vez o Lipe participou de uma festinha, certamente estávamos mais ansiosos do que Ele, heheheh!

Foi uma festa de Páscoa,  no Centro Catarinense de Reabilitação onde ele faz acompanhamento de fisioterapia,  fonoaudiologia e estimulação essencial, além disso ainda nós, papai e mamãe temos apoio psicológico. 

Esse foi o dia que mais vi meu Pirulito sorrir, ele participou com tranquilidade,  pintou o rosto, foi no colo das amigas, brincou no parquinho… nossa quanta coisa para um anjinho q a pouco tempo me disseram que jamais sairia da cama.

O Lipe foi pra casa num sorriso só,  fiquei realizada em ver meu filho tão alegre, até me emocionei vendo ele assim…tão seguro. Até dormiu no balanço…hehehe!

Estamos fazendo esses acompanhamentos desde o início do ano e o Lipe tem estado cada dia mais ativo, com a ajuda dessas pessoas tão iluminadas que as vezes nem se dão por conta de quão significativo pra nós são cada incentivo,  casa palavra, cada olhar de força…
Enfim… foi um dia especial, cheio de carinho, um ambiente acolhedor e um sentimento de que estamos indo pelo caminho certo onde o amor e a esperança caminham de mãos dadas. 

Deixo aqui meus mais sinceros agradecimentos a essas profissionais tão dedicadas… nossa família tem orgulho de fazer parte dessa instituição.

#maescampeas #maternidade #família #nostres #lipe #ccr #amormaior #dedicação #sorriso